Proibida a entrada de menores de 16 anos.

FEIRA PROFISSIONAL: Proibida a
entrada de menores de 16 anos.

Conexão Reparasul inicia com otimismo do setor automotivo

Autorizado pelo Governo do Estado, o 1º evento híbrido do setor automotivo acontece até amanhã (20), na Fenac, em Novo Hamburgo/RS

Conexão Reparasul inicia com otimismo do setor automotivo

Na tarde desta quinta-feira (19) foi dada a largada para o Conexão Reparasul: o 1º evento hibrido do setor automotivo no Brasil. O evento acontece na Fenac, em Novo Hamburgo/RS, com palestras e showroom com exposição física de produtos e serviços do segmento no ambiente digital e em modo presencial, simultaneamente. Até amanhã (20), das 17 às 22 horas, os visitantes poderão conferir novidades do setor, além de assistir palestras gratuitas com temas relevantes para atualização profissional.

 

Na cerimônia de abertura do evento, o diretor-presidente da Fenac, Marcio Jung, ressaltou a importância em retomar as feiras presenciais. “Estamos retomando uma feira presencial e, muito adequadamente, está sendo a Reparasul, que é uma feira que conta com o apoio de muitos parceiros e entidades”, pontuou. “É extremamente satisfatório ver como todo mundo se colocou à disposição para que essa retomada acontecesse”, comemora Jung. Ele ainda explica que o ano está sendo marcado pela resiliência e união. “O mercado vem se recuperando aos pouquinhos e não está sendo fácil para ninguém, pois não há previsibilidade, mas nós estamos mostrando aqui que existe adaptabilidade e, assim, estamos conseguindo retomar”, concluiu.

 

As entidades apoiadoras e algumas também patrocinadoras do evento, discursaram em tom de otimismo. O presidente da AUTOREDE Serviços Automotivos, Gerson Luiz Flesch, explicou que esta adaptação que o Conexão Reparasul representa é extremamente necessária. “É um setor da economia que está aquecido e conta com uma grande participação do mercado e, por isso, a importância em realizar este evento. Nós temos uma frota circulante no país que gira em torno de 62 milhões de veículos, segundo o SINDIREPA 2019, e deste universo, a região sul tem a segunda maior frota circulante do país”, pontua, Flesch, ao ressaltar a importância em se ter um evento como o Conexão Reparasul e a feira Reparasul para atender uma região extremamente relevante para a cadeia automotiva.

 

Já o presidente da ASDAP (Associação Sul-brasileira dos Distribuidores de Autopeças), Henrique Steffen, parabenizou a equipe da Fenac pelo Conexão Reparasul. “Estamos em um ano de muitos desafios e aqui temos mais um, por isso quero parabenizar a todos por esta iniciativa e a estrutura fantástica. O que foi feito aqui, mesmo diante de tantas incertezas, com certeza vai gerar fluídos muito positivos”, avaliou. Enquanto isso, o presidente da ASERV (Associação Serrana das Empresas da Reparação Veicular), Marcelo Oliveira, ressaltou o crescimento da Reparasul. “É uma feira que vem em uma crescente para o Rio Grande do Sul, por isso devemos mantê-la e fortalecê-la a cada ano. Sendo otimista, acho que em 2021 a Reparasul será maior e com ainda mais participação do setor”, projetou.

 

A ARAVAT (Associação dos Reparadores Automotivos do Vale do Taquari) também destacou a importância do evento. “Para a nossa cadeia, a Reparasul é muito importante, porque assim nós damos mais valor aos nossos parceiros e fornecedores daqui e não precisamos ir para outros estados em busca de parcerias e novidades”, pontuou o vice-presidente da entidade, Eder Capalonga.

 

Expositores e visitantes apostam na retomada

Entre os expositores, a Auto Pratense aposta no Conexão Reparasul como uma forma de se reaproximar do mercado e reativar o networking. “Quando soubemos do Conexão Reparasul logo decidimos apoiar esta iniciativa, que representa o segmento aqui em Novo Hamburgo, cidade onde acabamos de inaugurar uma filial”, comentou Rogério Colla, sócio-diretor da marca. Ele contou que o ano foi positivo para a Auto Pratense, que inaugurou a nova filial em junho e desde então tem colhido bons resultados. “É a nossa oitava unidade, com 2.500m². O retorno tem sido excelente, pois era um mercado já atendido pela nossa loja de Porto Alegre, mas que agora conseguimos aproximar o estoque e percebemos que a região estava carente de uma distribuidora com marcas internacionais”, explicou Colla. “A retomada tem sido fantástica”, comemorou.

 

A WCV Tools, participante da feira Reparasul desde a primeira edição, apoiou o projeto do Conexão Reparasul desde o início. “Inclusive demos sugestões e ideias do evento híbrido, pois entendemos que é um momento de reaproximação com os clientes, além de buscar conhecimento, prospectar novos cliente e realizar vendas”, relatou Cassio Silva, CEO da marca. Ao falar sobre o setor, ele contou que foi um ano atípico. “Foi complicado no começo, pois foi um impacto para todos, mas os meses seguintes melhoraram, inclusive tivemos alguns meses com faturamento superior a 2019”, relatou. “Estamos otimistas porque percebemos que as pessoas estão buscando novidades e por isso acreditamos que a recuperação será rápida”, complementou Silva.  O fundador e conselheiro da WCV Tools, Waldomiro Silva, avaliou que este cenário de aquecimento do setor automotivo é em virtude de uma mudança econômica e social em virtude da pandemia. “As pessoas sempre economizaram dinheiro para viajar e, neste ano, já que não podem, passaram a investir no carro, onde conseguem passear com segurança”, concluiu.

 

Entre os visitantes, Marco Antônio Franca de Oliveira, sócio-gerente da Carbupart’s, empresa especializada em componentes para carburação e injeção eletrônica de Juiz de Fora/MG, estava visitando o showroom físico junto à esposa Kátia Guimarães. “Estamos a passeio no Rio Grande de Sul e quando soubemos do evento logo decidimos visitar. Achamos ótima a ideia, pois se trata de uma iniciativa necessária em um momento difícil. Nestes ambientes sempre aprendemos algo novo para levarmos conosco”, contou o casal, que estava conferindo as novidades e se programando para acompanhar as palestras do dia.

 

Protocolos de biossegurança – Para ocorrer de forma segura, o Conexão Reparasul adotou protocolos de saúde com base nos Decretos Estaduais e com deliberação do COEM (Centro de Operações de Emergência Municipal). O protocolo, que prevê uma série de medidas, pode ser conferido na íntegra no site: http://www.reparasul.com.br/

 

SERVIÇO

Evento: Conexão Reparasul - evento híbrido para profissionais do setor de autopeças e reparação automotiva.

Data: 19 e 20 de novembro de 2020 (quinta e sexta-feira)

Horário: 17 às 22 horas

Credenciamento: Evento híbrido (presencial e online) destinado a profissionais do setor, com participação gratuita mediante credenciamento através do site http://reparasul.com.br/

Promoção: Fenac Experiências Conectam

Patrocínio Diamante: PARAFLU e SINOSCAR – GUAIBACAR, Ouro: PASSINI DISTRIBUIDORA DE PEÇAS, PASCOAL BOMBAS e NORTON ABRASIVOS, Prata: ENVIAPEÇAS, AUTOREDE Serviços Automotivos, ASDAP (Associação Sul-brasileira dos Distribuidores de Autopeças) e ASERV (Associação Serrana das Empresas da Reparação Veicular).

Apoio: ARERGS (Associação das Retificadoras do Estado do Rio Grande do Sul), SIMECS (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e de Material Elétrico de Caxias do Sul), SINCOPEÇAS/RS (Sindicato Varejista de Veículos e de Peças e Acessórios para Veículos no Estado do Rio Grande do Sul) e ARAVAT (Associação dos Reparadores Automotivos do Vale do Taquari).

 

 

19 de Novembro de 2020

Compartilhar